Colocação Pronominal

cpronominal

seta1 PRÓCLISE

Usamos a próclise nos seguintes casos:

(1) Com palavras ou expressões negativas: não, nunca, jamais, nada, ninguém, nem, de modo algum.

Nada me perturba.
Ninguém se mexeu.
De modo algum me afastarei daqui.
– Ela nem se importou com meus problemas.

(2) Com conjunções subordinativas: quando, se, porque, que, conforme, embora, logo, que.

Quando se trata de comida, ele é um “expert”.
– É necessário que a deixe na escola.
– Fazia a lista de convidados, conforme me lembrava dos amigos sinceros.

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0 (from 0 votes)
Share Button

Pontuação

1m

seta1 I – Emprego da vírgula 

Não haverá vírgula sempre que a frase estiver na ordem direta, isto é, sujeito + verbo +

complementos do verbo + adjuntos adverbiais.

José  (sujeito)  ofereceu  (verbo)  flores  (o.d.)  à  namorada  (o.i.)  ontem  à  noite  (adj.

adverbial).

Haverá vírgula, se a seqüência direta for quebrada, quer pelo deslocamento de termos,

quer pela intercalação.

José,  jovem  romântico,  (intercalação)  ofereceu,  ontem  à  noite,  (deslocamento)  flores,

rosas vermelhas, (intercalação) à namorada.

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0 (from 0 votes)
Share Button